araras

tenho mil teorias sobre casamentos. entre elas, tem sempre aquele lance que as pessoas não tem noção da roupa que poem. ou querem aparecer mais que a noiva, ou acabam mostrando oque não devem ou então se jogam no pretinho básico de chiffon longuete.esse feriado fui em um que realmente me surpreendeu!para começar: a beleza negra é imbativel né, quando elas se produzem parecem esculturas, obras de arte em que uma flor no black power ou um tom que valorize a pele é o toque final.sem contar os paletós apertados dos homens e gravatas fininhas, nada daqueles ternos largões alugados e que dão na cara que não os pertencem!a real é que se vestir para ir à um casamento, é sim primeiramente para COMEMORAR o amor dos noivos, respeitando as condições da festa: familiar e elegante (ou seja: nada de viscolycra justa no corpo disposta à ir pro funk) então desde a escolha da cor até o modelo deve ser primeiramente pensando em algo mais requintado. eu sou a primeira à amar coisas que valorizam a volúpia da mulher (na dose certa óbvio) porém escolhi um modelito bem MENINICE e um prata fosco bem discreto. o vestido dela era Huis Clos e divino! nem que qualquer pessoa fosse com uma juba de leão teria chamado mais atenção, porque acho que nunca vi noiva tão linda! (devia ter tirado foto, eu sei) .


encomendei essa riqueza de correntinha da querida @heyju  e to mega apaixonada, é tão dourado que vai ser ponto de referência hahah!!! na mixtape do multishow no beco, ela estava com a dela e eu fiquei louca quase que arranco do pescoço dela… e aí tcharaaam encomendei e estou super feliz com minhas amiguinhas novas rs!!! PARA ENCOMENDAS ENTREM EM CONTATO COM ELA, e ahazem muito

ficar velhinho é uma coisa engraçada. as pintinhas da mão não deixam enganar e as lembranças, as meeeeesmas lembranças já viraram o assunto cotidiano sem eles nem mesmo notar.mas em tudo isso tem tanta beleza , vai através dos olhares.levei meus pais ao parque da água branca nesse sábado e enquanto dirigia só me vinha na cabeça oquanto deve ser LOUCO ficar velho. minha mãe sempre usou Cori de solteira, ela disse que gostava do corte e das cores. e meu pai era uma cópia flamenguista do James Dean e só pensava no futebol que jogava (até o joelho desgastar). e ontem apostando um sorvete com meu pai e rindo das histórias milongueiras que a ITALIANICE não nega… eu cheguei à conclusão o quanto é louco ficar velho, e o quanto a loucura pode ser amenizada se você estiver acompanhado!

isso não é um post em defesa do amor.é um post meio mimimi
a real é que nem as roupas ficam bem, se sozinhas nas araras.
pensarei nisso!

Anúncios
Este post foi publicado em 24 de abril de 2011 às 16:55. Ele está arquivado em mimimi e marcado , , , , , , . Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: